Ecntre seu Seminovo

até » Veja nosso estoque

« voltarNOTÍCIAS


Um mundo sem motorista: da ficção para a realidade



02 - Quando a ficção vira realidade.

Mais do que nunca, as cenas do filme "Eu robô", de 2004, onde o detetive Del Spooner (Will Smith), dirige um Audi autônomo, estão perto de se tornar realidade. A realidade do filme, retrata uma sociedade em 2035, que já está adaptado e dependente de objetos e robôs conectados. E quanto a aceitação dessa tecnologia pelo public hoje, no mundo real?

Uma pesquisa recente da Universidade de Michigan mostra que 62% dos australianos estão inclinados a aderir aos veículos automatizados - em comparação a 52% das pessoas no Reino Unido e 56% nos Estados Unidos. Assim, acredita-se que a adesão à tecnologia seja crescente à medida que a inovação for adotada e receios iniciais, superados.


Carros autônomos também tendem a aumentar a mobilidade de jovens, idosos e de pessoas com deficiência. A novidade deve também impactar fortemente o setor de transportes, dado que os caminhões poderão rodar por períodos mais longos.

Segundo a Carinsurance.com, caso tivessem um carro autônomo, 26% dos americanos ocupariam o tempo de viagem nas redes sociais, 21% com leituras, 7% com videogames, 7% trabalhando, 10% dormindo, 8% assistindo a filmes e cerca de 21% apreciando o cenário do trajeto. 

Enfim, a tecnologia está nos seus ajustes finais, a legislação está sendo preparada e há sinais fortes de que a adoção dos clientes será intensa. Portanto, temos fortíssimos indícios de que, em pouco tempo, essa realidade invadirá o mercado e transformará as nossas vidas. 



NEWSLETTER

Preencha os campos ao lado e receba por e-mail as últimas novidades e promoções da Rüdiger.
Aceito receber novidades e promoções do Grupo Rudiger